dica-marketing-merchandisingMerchandising, somente no Brasil, é um termo que tem duplo significado. Ou até triplo…!

A definição clássica de merchandising é: “Qualquer técnica, ação ou material promocional usado no ponto de venda que proporcione informação e melhor visibilidade a produtos, marcas ou serviços, com o propósito de motivar e influenciar as decisões de compra dos consumidores” (Regina Blessa, Merchandising no PDV, 2001).

O Merchandising é um estudo que procura acompanhar o ciclo de vida do produto, adequação da imagem para o ponto de venda e sua performance diante dos consumidores, sendo considerado a “mídia” mais rápida e eficaz, pois é a única em que a mensagem conta com os “três elementos chaves” para concretização de uma venda: O consumidor, o produto, e o dinheiro.

No entanto, no Brasil tem-se chamado de “merchandising” a inserção de uma marca, logo, ou produto em uma ou mais cenas, dentro do contexto de um programa (programa de auditória, novela, filmes…) Pode ser em segundo plano ou como parte de diálogo, manuseio, vestimenta, ou qualquer forma que permita ser inserida em um filme ou fotografia sem ser o carro chefe do produto, tendo para isso um custo e também uma forma de compensação. O termo correto usado nos Estados Unidos para isso é “Product Placement”.

Outra forma que é apelidada de “merchan” é o promovido por apresentadores em programas de auditório, que interrompem o programa para falar do produto.

No meio publicitário chamamos até o apresentador do Terceiro Tempo de “Merchan” Neves.

Incorreto ou não, é assim que os termos são aplicados, então tome cuidado para não se confundir entre as ações!

Responda